Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias COQUEIRO SECO FESTEJA EMANCIPAÇÃO POLÍTICA COM FEIRA AGRÁRIA
16/11/2021 - 15h15m

COQUEIRO SECO FESTEJA EMANCIPAÇÃO POLÍTICA COM FEIRA AGRÁRIA

Prefeitura municipal solicitou o apoio do Iteral para a realização da segunda edição do projeto Feira Agrária do Crédito Fundiário

COQUEIRO SECO FESTEJA EMANCIPAÇÃO POLÍTICA COM FEIRA AGRÁRIA

Texto e fotos: Carlos Rodrigues – estagiário sob supervisão (Ascom/Iteral)

 

Para festejar os 59 anos de emancipação política de Coqueiro Seco, comemorado no dia 15 de novembro, foi desenvolvida uma ampla programação especial na Praça da Juventude com shows, apresentação de grupos folclóricos e a segunda edição da Feira Agrária do Crédito Fundiário nos dias 11 e 12, com o apoio do Instituto de Terras e Reforma Agrária de Alagoas (Iteral).

O município situado na região metropolitana não possui a tradição de feira livre. Porém, o Órgão de Terras atendeu prontamente a solicitação de apoio à prefeitura devido ao sucesso da primeira edição realizada em outubro de 2019. Após um longo período de espera diante da gravidade da pandemia da covid-19 (coronavírus), e com a flexibilização para a realização de eventos, a população pode conferir o trabalho de agricultores familiares dos assentamentos Pedra Talhada e Avagan de Joaquim Gomes; comunidades remanescentes de quilombos Jussara e Mariana de Santana do Mundaú; artesãos, apicultores, boleiras e pescadores de Coqueiro Seco.

 

Valdeli.quilombola

 

“Eu tenho compromisso moral, aqui em Coqueiro Seco. Primeiro, a maneira que vocês me receberam na feira anterior, o carinho, a dedicação, e o empenho do seu secretariado”, destacou Jaime Silva, presidente-diretor do Iteral, durante a solenidade de abertura, além de agradecer o apoio de Leone Manoel da Silva, coordenadora do projeto e assessora técnica dos núcleos quilombolas e indígenas do Iteral, pela dedicação na organização e por sempre estar à disposição dos agricultores.

 

feira.CoqueiroSeco

 

Estiveram presentes na abertura da Feira Agrária do Crédito Fundiário: a prefeita Maria Decele Dâmaso, acompanhada pelo secretário municipal de Agricultura e Pecuária, Jakson Cavalcante da Costa Júnior; a secretária de Saúde Yonara Toledo e a secretária de Turismo, Maria Betânia da Silva Barros, além de representantes da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) que conferiram a apresentação da Associação Musical Professor Francisco Pedrosa.

 

feira.CoqueiroSeco2

 

“Eu quero aqui fazer um agradecimento muito especial à sociedade musical, não abandonem nunca essa arte, eu comecei na música aos oito anos de idade”, destacou a prefeita Decele Dâmaso, recordando sua história de vida, além de se emocionar com a homenagem destinado ao seu esposo José Gilvan Ribeiro de Almeida, que faleceu em julho de 2020 após complicações desencadeadas pela covid-19. Ele foi economista, agropecuarista, diretor da Associação dos Produtores de Cana de Alagoas (Asplana); fundou e dirigiu a rádio comunitária de Coqueiro Seco; e também foi gestor público atuando como secretário de turismo neste município; além de ter sido um grande admirador das feiras agrárias.

Seguindo com as homenagens, a secretária municipal de Saúde, Yonara Toledo, declarou: “Ele ficou encantado com todos os feirantes na primeira edição, foi uma forma que a gente teve de homenagear seu Gilvan”. O diretor-presidente do Iteral, Jaime Silva, também destacou que Gilvan Ribeiro foi um grande amigo. “Eu não poderia deixar também de fazer essa pequena homenagem a um grande amigo meu, amigo de mais de 30 anos. Fomos fornecedor de cana juntos, eu me senti na obrigação de fazer essa homenagem”.


feira.CoqueiroSeco3

 

Outro momento marcante foi a presença de 45 crianças, estudantes do 1º e 2º ano da Escola Professor Pedro de Carvalho Pedrosa, que visitaram a feira e conheceram de perto os produtos que vieram diretamente da roça para a mesa do consumidor na cidade: inhame, batata doce, mamão, melancia, farinha de mandioca, laranja lima, laranja pera, laranja pokan, banana comprida, banana anã, banana prata, limão, chuchu, coentro, couve, abacaxi, manga, mel de abelha, bolos, doces diversos, tapiocas, beiju, empadas de macaxeira, pé de moleque e acarajés; além de artesanatos com a fibra de bananeira, crochê, cordas, material recicláveis, EVA e outros. As professoras trabalharam durante a semana na sala de aula sobre a importância do artesanato, a agricultura e de ingerir alimentos saudáveis.

“A importância dessa Feira Agrária no município, pra gerar renda pra o próprio município, e aí a visita dos alunos pra vir à Feira, justamente pra gente dar oportunidade pra conhecer o artesanato do nosso município, a agricultura, então é importante ter sempre, não só na emancipação”, afirmou a diretora da escola, Audria Luciana Florêncio.

 

feira.artesanato

 

 

 

Os feirantes além de expor seus produtos, geram renda própria e difundem a cultura de que alimentos saudáveis devem sempre fazer parte da nossa vida. Para o senhor Genival Silva, do assentamento Avagan 1 situado no município de Joaquim Gomes, a feira é importante para a comercialização dos seus produtos. “Essa segunda feira aqui é muito importante pra gente, e é um apoio muito grande que o Iteral tá fazendo pra gente comercializar nossos produtos”.


agricultura


Ao todo, o Iteral desenvolveu 19 edições do projeto Feira Agrária do Crédito Fundiário em parcerias com as prefeituras municipais e tem contribuído para o escoamento da produção, na valorização das tradições e cultura local. Nesta edição, foram montadas 22 barracas e participaram 44 feirantes.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv
banner-eouv-plone

Portal da Transparência

logo1

Banner Iteral

diario oficial

agencia-alagoas.jpg

banner_convenios.jpg